• Bombos
Menu
Escolher um contacto:
Tags: DeCA | UA  
Imagem do contacto
Doutorando
Departamento de Comunicação e Arte | Universidade de Aveiro
Campus Universitário de Santiago
3810-193 Aveiro
Portugal
Tel: (+351) 234 370 389 (ext. 23700)

Nota Biográfica

Alexandre Souza Simon é Bacharel em violão (Guitarra Clássica) pela Universidade Federal de Pelotas – UFPel e Mestre em Práticas Interpretativas pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro – UNIRIO. Desde 2018, é aluno do Doutoramento em Música da Universidade de Aveiro - UA, onde realiza sua investigação sobre a performance musical de obras de compositores sul-brasileiros para violão. Como educador musical, já atuou como professor no Instituto Federal Rio-Grandense de Porto Alegre – IFRS. Como violonista, tem realizado apresentações musicais com diferentes formações de câmara em países como: Uruguai, Argentina, Canadá, Portugal, Espanha e Alemanha. Em paralelo, participou de importantes atividades culturais, com destaque para o projeto "Concertos Didáticos" da FUNARTE. De 2013 a 2015, participou da Catedra Especializada em Música Latino-americana com o célebre guitarrista Eduardo Isaac, no Conservatorio Luis Gianneo em Mar del Plata, na Argentina. Durante este período, também integrou o grupo Cuarteto de Guitarras del Mercosur, com o qual gravou o CD coletânea "Ciclo Break", promovido pela Universidad Nacional de La Plata. Atualmente, dedica-se a divulgação da música brasileira e latino-americana, integrando o grupo de música instrumental Latino-América Duo. Em 2018 recebeu a indicação ao Premio Açorianos de Música com seu disco de estreia.

 

Ciência Vitae | ORCID

 

Projeto de Doutoramento
 
Título
Em Pampa Nem Canone: Ética e Interpretação na criação de uma Performance Folcloricamente informada
 
Orientação
Co-orientação
Gilvano Dalagna
 
Resumo

 

Esta investigação é um projeto inserido na área da investigação artística, que fomenta uma reflexão sobre as formas de execução e interpretação da música para violão solo (Guitarra Clássica) na região do Pampa Gaúcho. Pampa é o bioma característico da região do sul do Brasil, todo o Uruguai e parte da Argentina. O objetivo da investigação é promover um maior diálogo e entendimento entre as diferentes abordagens violonísticas desta região (Violão Tradicional e Violão Pampeano). Esse diálogo promover-se-á através de uma proposta de leitura performativa que clarifique a influência do Violão Pampeano em obras já recolhidas. A problemática surge de minha inquietação diante de fatores que envolvem uma velada desconsideração do trabalho de intérpretes alinhados ao violão pampeano por parte dos agentes pertencentes ao universo do violão de concerto, da resistência na aceitação e empreendimento do repertório supracitado nos cursos universitários, da tímida discussão a cerca do tema e seus horizontes, da falta de identificação dos discentes com o repertório tradicional ensinado, entre outros. Desse modo, na busca de respostas e para o desenvolvimento de um produto artístico, parto da perspectiva do Performer Autônomo para alicerçar minhas atividades, noção que junto as aplicações práticas – soluções instrumentais, construção interpretativa, maior compreensão dos elementos musicais contidos nas obras, entre outros – dará luz a uma performance comprometida com as duas vertentes violonísticas.